Imprimir

 

Em reunião com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, nesta quinta-feira, 27 de julho, o presidente da Sociedade Brasileira de Reumatologia, Georges Christopoulos, apresentou pauta de reinvidicações em benefício dos pacientes de doenças reumáticas, posicionando a entidade também contra a eventual redução de medicamentos para artrite reumatoide (AR), conforme veiculado nas últimas semanas.

Na pauta de sugestões apresentadas pela entidade, além da ampliação de acesso de pacientes de AR a medicamentos biológicos e biossimilares e a formas injetáveis de medicamentos tradicionais, como metrotexato (de melhor adesão do paciente), também a incorporação de novas terapias para os pacientes de lúpus e gota.

Durante a reunião, o Ministro afirmou que reativará, em breve, a Câmara de Especialidades e convidou a Sociedade Brasileira de Reumatologia para prestar assessoria técnica, ao ministério, em doenças reumáticas, grupo de mais de cem doenças, que acometem principalmente articulações e cartilagens, podendo também afetar órgãos como coração e rins.

Participaram da reunião com o ministro, o Dr. Georges Christopoulos , presidente da SBR, O Diretor do Departamento de Assistência Farmacêutica, Dr. Renato Lima Teixeira,  Dr. Marcos Rocha Loures, presidente da Sociedade Paranaense de Reumatologia, e os reumatologistas Ana Patricia de Paula e Mario Soares Ferreira.