Imprimir

Uma  chamada foi fruto de mais uma parceria entre Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Departamento de Ciência e Tecnologia (DECIT), do Ministério da Saúde financiou Estudo desenvolvido no laboratório do professor Carlos Pérez Bergmann, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e resultou na criação de um curativo para úlceras da pele e ossos agravados pela presença de diabetes. Esse curativo é capaz de servir como suporte para o crescimento de novas células de pele ou osso, sendo completamente absorvido pelo organismo após algum tempo.

 

Saiba mais: http://cnpq.br/web/guest/noticiasviews/-/journal_content/56_INSTANCE_a6MO/10157/6052170

Fonte: pagina web do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).