Imprimir

O guia tem por objetivo suprir uma lacuna com relação à utilização dos métodos de ATS voltados para as tecnologias específicas da AB. Ele procura apresentar os tipos de estudos mais comuns em ATS e sua aplicação nesse cenário. O guia não pretende ser uma diretriz metodológica, mas sim uma ferramenta de disseminação das principais metodologias de ATS. O leitor poderá ter uma visão dos tipos de estudos de ATS mais utilizados, como interpretá-los e onde encontrá-los.

Tendo em vista a relevância de expandir a utilização dessas ferramentas no âmbito da AB, a REBRATS, a Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade (SBMFC), o Departamento de Ciência e Tecnologia da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos e o Departamento de Atenção Básica da Secretaria de Atenção à Saúde do Ministério da Saúde, por meio do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (PROADI-SUS) em parceria com o Hospital Alemão Oswaldo Cruz, uniram esforços para a elaboração deste guia.

http://rebrats.saude.gov.br/diretrizes-metodologicas?download=127:guia-de-ats-para-atencao-basica